Disney Wiki
Advertisement
[[Arquivo:
Chapter03-JacksLament-018
|258px]]
O Lamento de Jack
Compositor Danny Elfman
Letra por Danny Elfman
Cantor Jack Esqueleto
Outros Cantores
Filmes O Estranho Mundo de Jack
Curtas
Shows
Atrações e Palcos
Jogos
Álbum O Estranho Mundo de Jack (trilha-sonora)
Classic Disney - Volume 3
Precedida por "É o Halloween"
Seguida por "O Que é Isso?"
Vídeo


Jack's Lament é uma canção do filme, O Estranho Mundo de Jack.

Letra[]

There are few who'd deny, at what I do, I am the best
For my talents are renowned far and wide
When it comes to surprises in the moonlit night
I excel without ever even trying

With the slightest little effort of my ghost charms
I have seen grown men give out a shriek
With a wave of my hand and a well-placed moan
I have swept the very bravest off their feet

Yet year after year, it's the same routine
And I grow so weary of the sound of screams
And I, Jack, the Pumpkin King
Have grown so tired of the same old thing

Oh somewhere deep inside of these bones
An emptiness began to grow
There's something out there far from my home
A longing that I've never known

I'm the master of fright, and a demon of light
And I'll scare you right out of your pants
To a guy in Kentucky, I'm Mr. Unlucky
And I'm known throughout England and France

And since I am dead, I can take off my head
To recite Shakespearean quotations
No animal nor man can scream like I can
With the fury of my recitations

But who here would ever understand
That the Pumpkin King with the skeleton grin
Would tire of this crown
If they only understood
He'd give it all up if he only could

Oh there's an empty place in my bones
That calls out for something unknown
The fame and praise come year after year
Does nothing for these empty tears

Versão brasileira[]

Ninguém pode negar
Que no que eu faço eu sou o melhor
Meus talentos não preciso provar

Sou o rei das surpresas na escuridão
Faço tudo com muita maestria

Basta só um simples gesto com a minha mão
E o medo surge no olhar
Sei fazer um adulto sentir terror
Feito uma criancinha a chorar

Mas ano após ano é tudo igual
E já não aguento esse festival
E eu, Jack, o rei do horror
Quero algo mais, algo superior

Eu sinto que, bem dentro de mim
Há uma dor que não tem fim
Lá fora, bem longe do meu lar
Meu coração quer me levar

Sou o rei do horror e o ás do terror
E você logo vai se assustar
Eu vou na lua cheia, a noite inteira
Como um bicho que ninguém pode ver

Caso não me conheça, eu tiro a cabeça
E mostro todo o meu talento
Não há um animal tão irracional
Com um grito tão feroz e violento

Mas quem poderia imaginar
Que o rei do horror
O esqueleto sem cor
Não é mais feliz no seu reino de terror
E a sua coroa quer entregar

A escuridão me invade assim
Como um dor que não tem fim
Eu sou um rei com fama e poder
Que só queria não mais sofrer

Advertisement